Cogitações 6#

Se pensarmos bem, a maioria de nós leva uma vida que não passa de um longo bocejo, se não veja-se: todos os dias, invariavelmente, saímos da cama, tomamos banho (os que têm esse hábito), metemos alguma coisa no bucho e vamos trabalhar. A meio do dia, paramos para almoçar; e, quando chegamos a casa, no final do dia, jantamos, escutamos as conversas enfastiantes dos filhos e do parceiro/a, vamos para a cama (às vezes, damos uma queca rápida antes de ressonarmos), para dormirmos a correr, já que  no dia seguinte tudo tem de recomeçar. E este é, desgraçadamente, o tributo social que pagamos para (sobre) viver.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s